A Superintendência de Políticas para as Mulheres (SPM), por meio do Centro de Referência Loreta Valadares (CRLV), promove no próximo dia 29 a Quinta Temática sobre Violência Obstétrica. O encontro gratuito acontece às 8h30, no auditório do Colégio Nossa Senhora das Mercês, 1105, Avenida Sete de Setembro, Centro, e é voltado para mulheres, entidades de defesa dos direitos femininos e demais interessados no tema.

 

 

O tema será abordado pela consultora da Organização Panamericana de Saúde (OPAS/OMS Brasil), Maria Inês Barbosa, e pela promotora e coordenadora do Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher do Ministério Público da Bahia (Gedem/MP-BA), Márcia Teixeira.

 

 

De acordo com a subgerente do CRLV, Doranei Alves, o tema pretende alertar ao público feminino como proceder em caso de violência na hora do parto, um dos momentos mais marcantes da vida da mulher. O assunto, inclusive, atende às solicitações do público presente em outras edições do projeto e é uma oportunidade para esclarecer dúvidas e aprender a denunciar um ato de violência que tem acontecido com maior frequência nos últimos anos.

 

 

As inscrições podem ser feitas pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelos telefones (71) 2108-7309 e 2108-7300.

 

fonte:http://www.comunicacao.salvador.ba.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=44409:quinta-tematica-de-maio-aborda-violencia-obstetrica&catid=56&Itemid=170

 

A Superintendência de Políticas para as Mulheres (SPM), por meio do Centro de Referência Loreta Valadares (CRLV), promove no próximo dia 29 a Quinta Temática sobre Violência Obstétrica. O encontro gratuito acontece às 8h30, no auditório do Colégio Nossa Senhora das Mercês, 1105, Avenida Sete de Setembro, Centro, e é voltado para mulheres, entidades de defesa dos direitos femininos e demais interessados no tema.

 

 

O tema será abordado pela consultora da Organização Panamericana de Saúde (OPAS/OMS Brasil), Maria Inês Barbosa, e pela promotora e coordenadora do Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher do Ministério Público da Bahia (Gedem/MP-BA), Márcia Teixeira.

 

 

De acordo com a subgerente do CRLV, Doranei Alves, o tema pretende alertar ao público feminino como proceder em caso de violência na hora do parto, um dos momentos mais marcantes da vida da mulher. O assunto, inclusive, atende às solicitações do público presente em outras edições do projeto e é uma oportunidade para esclarecer dúvidas e aprender a denunciar um ato de violência que tem acontecido com maior frequência nos últimos anos.

 

 

As inscrições podem ser feitas pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelos telefones (71) 2108-7309 e 2108-7300.

Fonte:http://www.comunicacao.salvador.ba.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=44409:quinta-tematica-de-maio-aborda-violencia-obstetrica&catid=56&Itemid=170